quarta-feira, 8 de outubro de 2008

- Aquecimento Global -

Deixando um pouco as brincadeiras de lado, hoje vamos tratar aqui de algo realmente sério, que é o aquecimento global. Antigamente, esse papo de meio ambiente e preocupação com o futuro do planeta era tido como "coisa de gente chata"... imaginem um tempo em não tinha nada demais encontrar anúncios de moto-serras nas grandes revistas do país, dizendo seus benefícios, facilidades, quantidade de árvores derrubadas por hora, etc. E não faz tanto tempo! Nos anos 80 ainda era possível encontrar anúncios assim! Hoje, isso soa como uma baita heresia!

Foto recente do Estádio Olímpico de Pequim (depois das Olimpíadas)

Alguns cientistas ainda debatem se o aquecimento global é uma causa natural da vida na terra, pois já houveram outras. Mas o que fica bem claro para todos é que o homem tem sim participação ativa na mudança do clima atualmente. De fato, fica muito difícil falar sobre estimativas comparativas de clima no planeta considerando que começamos a entender e desvendar os mistérios da Terra muito recentemente. Muitas inovações importantes foram inseridas, assim como nossa compreensão das consequências da intervenção do ser humano no clima, apenas de uns 30 anos pra cá. É muito pouco tempo para uma análise de clima.

Pra quem assistiu ao documentário "Uma verdade inconveniente" de Al Gore, ex-candidato à presidência dos Estados Unidos, sobre os efeitos do aquecimento no meio ambiente, sabe muito bem do assunto aqui. O filme, que na verdade nada mais é do que a gravação de uma de suas palestras por aí sobre o tema, mostra através de gráficos, imagens, animações, planilhas e todos os artifícios disponíveis o quanto nós, seres humanos, estamos mudando nosso planeta.

O vídeo a seguir é muito curioso e nos faz pensar sobre o assunto. Mostra o mapa térmico do planeta desde 1884, com cada ano passando por segundo. Assistindo ao vídeo, até me lembrei de uma fala de um outro filme famoso, o 1º da série Matrix, em que o vilão dizia ao mocinho da trama que ele tinha descoberto que o ser humano não é um mamífero, mas sim um vírus, que destrói aos poucos o ambiente onde ele vive... assistindo ao vídeo, surge uma pergunta inevitável: será que ele tem razão? E se tem, será que teremos condições de mudar isso? É impressionante o quanto nosso clima esquenta a cada ano, tão explicitamente mostrado no vídeo a seguir.


video



------------------------------------- // --------------------------------------

5 comentários:

  1. O homem , agora vai começar a pagar caro .
    bom final de semana nmeu amigo.
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Gostei da sua abordagem sobre o tema... Mas, por vezes fico pensando,que o nosso planeta já sofreu outras destruições, mesmo sem a interferência do homem...


    Beijos de luz!

    ResponderExcluir
  3. Amigo Malcriado, finalmente acabaram as férias (infelizmente... rsrsrs) e agora estou visitando os amigos.

    Já assisiti a um monte desses documentários, li vários livros, assisti a palestras, etc. Bem, moro na Floresta Amazônica, e dá pra perceber várias mudanças, mesmo que por aqui por perto as coisas ainda continuem meio intocadas.
    Acho que muito desses debates e demonstrações pessimistas tem também um lado de interesse político e financeiro, mas, de qualquer forma, são válidos para alertar o povo, mesmo que isso tudo adiante muito pouco, já que o povo, em si, é o menor responsável por isso tudo. Diante desse cenário catastrófico, fico aqui pensando se o melhor não seria deixar essa porcaria toda descambar logo para um fim abrupto, porque só mesmo morrendo a grande maior parte da humanidade para o planeta se reestruturar sozinho, porque enquanto tivermos em ação todos esses agentes poluidores e tanta gente se aproveitando deles (inclusive nós aqui, gastando energia) acho que não haverá esperança.
    Na verdade, o planeta se recuperará de qualquer desastre e todos os cataclismas jamais imaginados pelas mentes mais pessimistas, a luta não é pelo planeta, mas pela raça humana e, infelizmente, acho que poucos são os que perceberam isso.
    Vendo o quadro como um todo, é bem desanimador, e analisando friamente, só mesmo depois de muito sofrimento, morte e devastação é que a humanindade ressurgirá de um cenário literalmente apocaliptico, só não vê quem não quer. Até lá, acho que não estarei mais vivo e só espero que profecia se cumpra e os mansos herdem a terra...
    Apesar dos pesares e de parecer tão pessimista, continuo agindo o mais corretamente possível e curtindo e desfrutando tudo o que o Planeta e a Humnidade nos reserva.
    Um abraço e até!

    ResponderExcluir
  4. Verdade, precisamos tomar cuidado com tanto calor. Obrigado por visitar meu blog.
    http://conscienciaacademica.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi, meu querido!
    Sou sua leitora "de carteirinha", você sabe. Mas, será que, pela primeira vez, tenho que dar razão ao vilão? É lógico que o "ser humano" é o vírus, o câncer, enfim, tudo de ruim que existe na face desse exuberante planeta. Exemplos históricos não nos faltam, quer um? A colonização espanhola na América, decepando as culturas Maia, Inca,Asteca, Tolteca, por aí e eles só tinham o cavalo, hein?!!!
    Não conta pra ninguém? Jura? NÃO GOSTO DE GENTE! Bem, com raras exceções, você está incluído...Como canta o Tom Zé: "Por que gente/ Gente nasceu pra quererrrr..."
    Tu irias gostar da rumbeira, aposto! Nem cinema se faz bem hoje em dia...Continuo te devendo o filme do Depardieu, beleza de comédia!!!Bjssss

    ResponderExcluir